Em um mundo em que a busca pela beleza e juventude eterna é constante, é essencial explorar opções que nos permitam permanecer jovens sem recorrer a procedimentos cirúrgicos invasivos e, assim, obter uma aparência melhor, mas com um resultado natural.

Conversamos com o Dr. Carlos Jarne e o Dr. Carlos López, dois profissionais que explicam como, nos últimos anos, cada vez mais pessoas, independentemente do gênero, estão buscando aprimorar e melhorar sua aparência com tratamentos que passam despercebidos. Esse é o nascimento do que hoje conhecemos como ‘Quiet Luxury Beauty’, a última tendência que encontrou seu lugar no mundo da beleza, provando que menos é mais quando se trata de elegância e cuidados pessoais.

HIFU da Liftera: a inovação preferida de médicos e pacientes

“O HIFU já é o tratamento inovador preferido por médicos e pacientes este ano, pois favorece um resultado natural e, em alguns casos, até mesmo sem dor e sintomas pós-tratamento”, explica o Dr. Carlos Jarne.

Os especialistas dizem que a demanda por esses luxuosos tratamentos regenerativos de rejuvenescimento facial cresceu 5%. O Dr. Carlos López, da Clínica Iñigo de Felipe, confessa que, nos últimos anos, detectou uma mudança de direção na demanda dos pacientes nas clínicas: “As pessoas têm medo de resultados exagerados e, portanto, buscam cada vez mais a naturalidade que vem da mão da medicina regenerativa”. No mundo da beleza, esse novo conceito se traduz na busca por produtos de alta qualidade que resistam ao teste do tempo e na adoção de rotinas que promovam uma aparência natural e atemporal. O HIFU se torna o principal aliado nessa busca por uma beleza discreta, simples e luxuosa. Um procedimento estético não invasivo que usa ultrassom focalizado para estimular a formação de novo colágeno nas profundezas da superfície da pele. “Um exemplo é o HIFU da Liftera, a última palavra nesse tipo de tratamento, uma inovação que mudou completamente a forma como abordamos a pele”, acrescenta o Dr. Lopez.

Tolerância e conforto graças ao Liftera

Um dos aspectos mais valorizados pelos pacientes é a tolerância do tratamento, que deve ser o mais rápido e indolor possível. Conversamos sobre essas preferências com o Dr. Carlos López: “Cada vez mais pacientes estão trocando a medicina estética tradicional por tratamentos regenerativos que não incluem tratamentos que requerem agulhas ou cirurgia”. O Liftera responde a essa tendência, pois é apresentado como o primeiro HIFU indolor do mercado. Isso é confirmado por muitos dos profissionais que optaram por esse tratamento, como é o caso do Dr. Carlos Jarne: “O Liftera é um avanço tecnológico extremamente importante quando se considera a tecnologia HIFU para flacidez, alongamento e lifting sem cirurgia, já que a tolerância do paciente é absoluta e a precisão do tratamento é milimétrica. Isso torna possível tratar a flacidez em partes específicas do rosto, pescoço ou corpo sem que ninguém ao seu redor perceba”.

Uma atração para o público masculino

Os especialistas também destacam como esse tipo de tratamento está se tornando uma atração para o público masculino. O Dr. Carlos López enfatiza que, embora o perfil do paciente feminino ainda seja predominantemente feminino, quando se trata de tratamentos de regeneração natural, as porcentagens aumentaram consideravelmente entre os homens. Da mesma forma, o especialista Dr. López afirma que “o número de pacientes que chegam pedindo tratamentos menos invasivos e com resultados mais naturais se multiplicou por cinco, enquanto antes eles pediam tratamentos mais comuns, como o ácido hialurônico”.

Pin It on Pinterest

Olá! Bem vinda (o)!